quinta-feira, 2 de abril de 2015

Dia Azul - Conscientização sobre o autismo

Olá para todos! A postagem de hoje é sobre a importância da conscientização sobre uma enfermidade que acometem uma a cada mil crianças no mundo e da implementação de práticas que facilitem a vida destas pessoas para que elas tenham a possibilidade viver normalmente como todos nós.
Hoje, 02 de abril, pelo oitavo ano consecutivo é comemorado o Dia da Conscientização Sobre o Autismo e durante todo o mês diversas organizações mundiais promoverão eventos com o objetivo de informar a população acerca do distúrbio.
Monumentos de diversas cidades ao redor do mundo ficaram iluminados de azul como forma de comemorar a data e aqui no Rio de Janeiro não foi diferente. O Cristo Redentor ficou todo iluminado na noite de 01 de abril para mostrar adesão a campanha, assim como o Congresso Nacional, em Brasília, que também chamou atenção para a importância do tema.
A Organização das Nações Unidas (ONU) pediu que as pessoas usem azul em homenagem as 70 milhões pessoas portadoras de autismo para demonstrar que se importam com a questão e que assim, os portadores dessa enfermidade não se sintam desamparados. Em discurso, o secretário geral da ONU Ban Ki-Moon declarou que os portadores de autismo tem um enorme potencial pediu para que sejam oferecidas mais oportunidades de trabalho para essas pessoas, visto que mais de 80 milhões desses adultos estão desempregados.
O autismo é uma enfermidade de caráter neurológico caracterizada por comprometimento da interação social, comunicação e comportamento restrito e repetitivo.


Conheci há alguns anos atrás, em certa oportunidade, um rapaz portador de autismo e presenciei o potencial que esses seres humanos possuem. Com a comunicação verbal comprometida, ele apresentava um dom extraordinário para a culinária, assim como qualquer pessoa comum possui aptidão para realizar determinada atividade na vida. Recluso devido à imposição da doença mas com total apoio e incentivo dos pais, o jovem, de 20 anos na época, foi capaz de preparar toda a alimentação da recepção do noivado do irmão mais velho, desde os docinhos, salgados, até o tão aguardado bolo; já pensava em estudar para se especializar na atividade que tanto gosta e lhe dá prazer. Isso é uma prova do bem que a oportunidade, respeito e amor podem fazer na vida de uma pessoa.

*Imagem retirada da internet

################################################################################
Visite também meus perfis nas redes sociais:
YouTube: Amanda Midori
Facebook: Amanda Midori
Twitter: twitter.com/amandamidori__
Instagram: instagram.com/amanda.midori
Google+: +AmandaMidoriLimaTeixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário